Por que eu roo minhas unhas

Cerca de metade de todas as crianças e adolescentes mastigam as unhas. Diversos adultos que têm o comportamento de mastigar as unhas criaram essa prática quando ainda eram adolescentes e, unicamente, jamais suspenderam este hábito.
Possivelmente é por causa dos pais: os pesquisadores não têm evidência se, por acaso, o roer a unha é um problema hereditário, entretanto as crianças em que os pais também mastigam unhas têm tendência maior à mascarem suas unhas também. Pesquisas revelam que isto ocorre mesmo que os pais se livrem da mania antes mesmo do nascimento de seu filho.
Às vezes, roer as unhas é capaz de ser um sintoma de exaustão emocional ou psíquico. O hábito ou mania tende a aparecer em pessoas que acham-se irritadas, ansiosas ou sentindo-se mal. É uma maneira de lidar com estes sentimentos.
Você pode inclusive se encontrar realizando isso na ocasião em que está contrariado, com fome ou, até mesmo quando se sente comovido. A maior parte das roídas é automática, você faz isso sem pensar.

Razões para parar

Como Parar de roer unha Mastigar as unhas normalmente não ocasiona danos permanentes, entretanto, de uma vez por todas, possui seus prejuízos. Este comportamento pode fazer suas unhas se desenvolverem tortas e, se você lesar o tecido em torno de suas unhas, eles podem parar de se desenvolver da forma que deveriam. Isso dá a você unhas de aspecto inabitual.
Ainda por cima, mastigar as unhas pode estragar a sua risada. Você pode trincar ou lascar os dentes ao roer as unhas. Ao longo do tempo, a mordida das unhas pode até provocar enfermidades na mandíbula.
Isto é capaz de deixar você com problemas de saúde. As mãos são um “acúmulo” de bactérias e as unhas são o abrigo perfeito. Na ocasião em que você está pondo os dedos em sua boca várias vezes por dia, cresce suas chances de ficar com alguma doença. Abrange, ainda, o estrago à pele que você pode ocasionar quando mastiga suas unhas, pois cria uma forma fácil para a ingressão de bactérias.
Você pode não notar uma modificação da noite para o dia, entretanto com um mínimo de tempo e dedicação é bem provável retirar o costume de mastigar as unhas .

Algumas dicas conseguem ajudar a acabar de uma vez por todas com essa mania:

Apare as unhas! Caso não haja uma pele o bastante para serem grudadas pelos dentes, você vai desistir quando tentar. Envolver as unhas com alguma coisa que tenha gosto desagradável é, também, uma excepcional tática. Há esmaltes de unha especiais com um sabor amargo com que você é capaz de pintar em suas unhas. O gosto terrível vai fazer você refletir duas vezes antes de você começar a morder.
Gastar dinheiro e tempo em um salão de beleza lhe dará unhas bem parecidas e um pretexto para conservá-las desta maneira. Usar luvas pode parecer bobagem, contudo se você não puder alcançar suas unhas, não será capaz de mordê-las. Se a luva não funcionar, você pode procurar adesivos produzidos para revestir as unhas – eles podem possuir a mesma eficácia.

Averigue o que dispara sua vontade de morder unha

Veja como você se sente ou o que está fazendo na ocasião em que rói as unhas. Assim que você sabe o que faz você começar a morder as unhas, você pode tentar descobrir outras maneiras de lidar com esse hábito.
Conserve suas mãos ou cavidade bucal ocupadas. Descubra algo para mexer – como uma bola de anti-estresse, uma caneta para clicar, mastigue um chiclete para que sua boca se mantenha ocupada. Concentre sua vitalidade em outro lugar.

Deixe uma resposta